Capiberibe contribuiu para possível anulação de julgamento de Waldez

Pode parece estranho, mas uma intervenção do ex-senador João Capiberibe pode anular o julgamento do governador Waldez Góes, no STJ. Tudo porque, na ânsia de ver Waldez condenado, Capiberibe colocou no processo um ofício da Federação Nacional dos Bancos com dados relativos ao pagamento de créditos consignados.

No entanto, a defesa de Waldez só teve conhecimento da inserção do fato novo quando o julgamento já estava em curso e com placar de 7 a 2 pela condenação. Considerando que Capiberibe não é parte no processo e que o ofício foi decisivo no voto dos ministros, o Ministério Público Federal está pedindo a anulação do julgamento que começou no dia 18 de dezembro do ano passado e que faça um novo julgamento.

Assim, o processo que foi suspenso por pedido de vista do ministro Og Fernandes deve voltar a estaca zero e sem os documentos colocados por Capiberibe, é possível que os ministros que já votaram passem a seguir o entendimento do relator ministro relator Mauro Campbel que votou pela absolvição do governador.

É o feitiço virando contra o feiticeiro.

leia o parecer do MPF:

Compartilhar