OAB quer impedir posse de Kaká

A Ordem dos Advogados do Brasil no Amapá (OAB/AP) está tentando impedir que o deputado Kaká Barbosa (PT do B) reassuma a presidência da Assembleia Legislativa, no mês de fevereiro. A OAB enviou documento para a casa cobrando medidas em relação a denúncias feitas pelo Ministério Publico do Estado, acusando o deputado de várias irregularidades.

O documento é assinado pelo presidente da ordem Paulo Campelo, que diz no primeiro momento a OAB quer levantar informações e tentar impedir o retorno de Kaká a presidência da casa.

Barbosa diz que é vitima de uma campanha difamatória deflagrada por adversários políticos.

 

Compartilhar