Filha vai substituir pais barrados pela justiça na eleição em Calçoene

A administradora de empresas Gracilene Barros (PMB) de apenas 26 anos, vai substituir a mãe Graciete Cordeiro (PDT) que teve a candidatura barrada na nova eleição para prefeitura de Calçoene na semana passada e o pai Reinaldo Barros (PDT), que ficou em primeiro lugar nas eleições de outubro, mas não pode assumir por causa de condenação por improbidade administrativa que o enquadrou na lei da Ficha Limpa.

A jovem disputará a eleição, com data marcada para o dia 12 de março, com politicos bem experientes. Entre eles estão José Walter Cavalcante (PV), Jones Fábio Nunes Cavalcante  (PPS) que é o atual prefeito e Lindoval Santos do Rosário (PSC).

Apesar de não ter experiência, a jovem se diz pronta para disputa e para administrar o município.

Foto: Tribunal Regional Eleitoral do Amapá

Compartilhar