Jaime pode desistir do Senado para ser vice de Waldez

Não é apenas boato. O empresário Jaime Nunes (PROS) lançou pré-candidatura ao Senado, mas ainda pode desistir para ser vice na chapa de Waldez Góes (PDT) na eleição para o governo do Amapá. Um membro do alto escalão do partido de Jaime, confirmou ao blog que a passibilidade existe e que pode ser anunciada até a próxima semana.

“Existe a possibilidade. Nada confirmado ainda, mas estamos conversando. O certo é que o Jaime vai disputar a eleição, seja como senador ou vice-governador”, garante a fonte que o blog se comprometeu em não revelar.

Sempre acompanhado do vereador Acácio Favacho, Jaime tem percorrido o Amapá e se apresentado ao eleitor como candidato. Se confirmado a aliança com Waldez, será segunda vez que Jaime concorrerá como vice. A primeira foi em 2010 na chapa de Lucas Barreto.

 

 

 

 

 

Compartilhar