Candidato que teve 2% quer anular eleição para o senado no Amapá

Ricardo Santos (PSL) quer anular a eleição para o Senado Federal. Santos diz que foi prejudicado porque no dia da eleição, o registro dele aparecia como indeferido, o que teria gerado dúvida no eleitor e afetado a votação que recebeu. Para Ricardo, a eleição pode ter sido fraudada. O candidato teve 11.882 votos, 1,7 dos votos válidos.

Compartilhar