Militar amapaense vai compor equipe de transição de Bolsonaro

A tenente do Exército Brasileiro Silvia Nobre Waiapi deve fazer parte da equipe de transição do presidente eleito Jair Bolsonaro. O anúncio foi feito pela assessoria do presidente, nesta terça-feira, 6. Silvia, que é amapaense, é a primeira mulher indígena a entrar para as forças armadas no Brasil.

Silvia nasceu no Parque do Tumucumaque, de onde saiu com 14 anos de idade e tem formação na área da saúde. Foi aprovada para o Centro de Preparação de Oficiais da Reserva do Rio de Janeiro e entrou para as forças armadas em 2011.

Além de Silvia, outras 4 mulheres deverão fazer parte da equipe, que já tem 28 nomes confirmados, todos do sexo masculino.

Compartilhar