Papaléo confirma Jaime como vice, assessoria de Waldez nega

Até mesmo o atual vice-governador Papaléo Paes (PSD) já admite que o empresário Jaime Nunes (PROS) deve compor a chapa com o governador Waldez Góes (PDT) na eleição deste ano. Sem esconder o desapontamento, Papaléo conta que conversou com Waldez no início da semana e recebeu todos os sinais de que será substituído.

“O Waldez assumiu compromisso de que eu seria o candidato dele ao senado se ele fosse candidato à reeleição. Depois me pediu para continuar como vice e por isso não me desincompatibilizei para ser candidato a outro cargo. Aí no inicio da semana eu perguntei para ele como seria e ele me pediu um tempo e disse que a vaga estava entre eu e o Jaime. Então ele já me deu a resposta. Eu não vou mais atrás dele”, diz.

O vice-governador deve reunir a imprensa até o final da semana para falar do fim da aliança com Waldez. “Tenho que dar explicações, se não vai parecer que vendi a minha vaga para um empresário. E isso eu não posso admitir”, enfatiza.

A assessoria de Waldez diz que nada está definido.

Compartilhar