PT, PDT, PTB, PCdoB e PSB no mesmo palanque

Em ano de eleição não dá mesmo para fazer grandes previsões. Que diga o Partido dos Trabalhadores (PT), que conseguiu o feito de reuniu no mesmo palanque na última sexta-feira (13), o PDT, PTB, PCdoB e PSB. O evento se tratava da pré-candidatura no Amapá do ex-presidente Lula.

O lançamento da pré-candidatura do político preso ocorreu na sede do Sindicato dos Urbanitários, no Bairro Santa Inês. O evento contou com o apoio das legendas e apresentou as pré-candidaturas a deputados estaduais e federais do PT no Amapá.

 

Foram apresentados os pré-candidatos a deputado estadual e federal 

Vale lembrar que o PDT tem candidatura própria para presidente, com Ciro Gomes. Para o vice-presidente do Diretório Estadual do PT, Marcos Roberto, o apoio das legendas pode se concretizar nas eleições.

“Todo apoio é importante nesse momento. Uns podem se concretizar até as eleições. Mas agradecemos a manifestação dos filiados e simpatizantes do PT para a pré-candidatura do Lula”, disse.

Além disso, o apoio dos partidos contou com o presidente do diretório estadual do PT, Antônio Nogueira; o pré-candidato ao Senado, Lucas Barreto (PTB), o governador do Estado e pré-candidato à reeleição, Waldez Góes (PDT);  o vice-presidente estadual do PSB, José Ramalho e o presidente estadual do PCdoB, Luiz Pingarilho.

PDT tem candidatura própria para presidente, mas Waldez esteve presente

 

O ex-presidente Lula está há 3 meses preso em Curitiba. E mesmo cumprindo condenação por denúncias relacionadas à Operação Lava Jato, o político é mantido como pré-candidato pelo PT.

Compartilhar